Apoio



Se Feijão estiver certo no ‘achismo’, em caso de inelegibilidade de Lula, em vez de buscar ‘Plano B’ dentro do partido o PT deverá apoiar Marina (Rede), ficando Ciro Gomes (PDT) e Jair Bolsonaro (PSC) no banco de reservas.