No páreo



Randolfe também tem pregado possibilidade desse mesmo bloco lançar Tasso Jereissati (PSDB-CE) na disputa pela presidência do Senado, em fevereiro, caso Renan (MDB-AL) venha a se candidatar.