Nada feito



Rinaldo (PSol), por liminar judicial, ‘melou’ eleição na CVM, na qual Ruzivan e Marcelo Dias disputariam trono.