Livre



Ex-goleiro do Flamengo, Bruno vai cumprir restante de pena por ‘homicídio’ no semiaberto, mas no chamando ‘domiciliar’, ou seja, sem ter de dormir na cadeia.

Logo, se quiser e puder, logo, logo volta aos gramados.