Projeto



Prédio do Aninga, que já abrigou educação socioeducativa de internação, e que agora se encontra abandonado no Buritizal, pode ser ocupado, pela Caesa, com comprometimento de ali instalar reservatório de água para distribuição na ZS de Macapá.