Dor de cabeça



Acácio Favacho é denunciado pelo MP-AP por desvio de recursos (R$ 36 mil), emitindo notas frias como pagamento de falso aluguel de veículos, quando era presidente da Câmara de Vereadores de Macapá.