Equívoco



Juíza Alaíde anula mais 2 processos – agora já são 3 – por improbidade administrativa contra ex deputado Moisés Souza.

Constatou que Moisés, quando presidente da Alap, não poderia ter sido investigado por um promotor de justiça, no caso, Afonso Guimarães.