Menina



Deputada Tabata Amaral, que esteve em Macapá, mostrou-se uma jovem de 25 anos bem lúcida e que sabe o quer.

Seus sonhos de uma educação com chances igualitárias para todos e uma política que destrua as desigualdades sociais, ela reconhece, podem até não dar certo em curto prazo, mas que é semente sadia, isso é verdade.