Quiprocó



Eleição para os conselhos tutelares de Macapá, em 6 de outubro, está judicializada, com pedido de suspensão da diplomação e posse dos eleitos.

Por causa de irregularidades alegadas por 25 candidatos que concorreram, mas não lograrão êxito no pleito.