Campanha



Outra coisa certa na ‘Frente de Santana’ é o objetivo de fazer oposição cerrada ao atual gestor, Ofirney Sadala, que vai à reeleição, sim, no próximo ano.