Um navio à deriva



O navio comandante Solon, que já foi 1ª classe no transporte fluvial entre MCP/Belém, não mais singra as águas do majestoso Rio Amazonas. E, com ferrugem nos seus nervos de aço, agora apenas baila no sobe e desce do minúsculo rio Matapi, onde apodrece, moribundo.

No mais, só falta chutar o balde pra afundar.