Espera



É de estranhar o silêncio da grande maioria da bancada do Amapá em Brasília sobre o impeachment de Dilma, apesar de manchete no mundo inteiro.
Posicionamento tem sido mais de espera do que de ação, sem o risco de embarque em canoa furada.