Delação



Acusado de receber propina de R$ 5 milhões, Eduardo Cunha (PMDB) esteve frente a frente com Sérgio Moro, nesta terça.
Fontes seguras garantem que ele está disposto a fazer delação premiada – para evitar longa temporada na cadeia.