Risco



Para o general Villas Boas, que não deixa pergunta sem resposta, não há risco de militarização do país na gestão de Bolsonaro.
Para ele, arriscado, mesmo, é imagem do Exército sair chamuscada em eventual fracasso do futuro governo.