A investigar



Em Porto Grande, ele a matou, e disse ter sido com tiro acidental. Mas Justiça entendeu caso como feminicídio.

E por isso ele foi pro Iapen.