Reconhecimento


GEA teve contribuição para tornar o Brasil livre da aftosa reconhecida durante sessão da OIE, em Paris (França).
Delegação do Amapá, que participa do evento, é coordenada por José Renato Ribeiro (Diagro).

Seletivo


Iniciam na quarta (23) e vão até 30 de maio inscrições para seletivo que vai contratar 456 monitores do programa Amapá Jovem.
Candidatos devem ter idade mínima de 18 anos e máxima de 29, estar cursando o Ensino Médio ou superior e não ter emprego.

Ajuda


Já começou a ser distribuída em Laranjal do Jarí a ajuda humanitária do Ministério da Integração Nacional.
A segunda balsa já zarpou de Macapá, com previsão de chegada antes do final de semana.

Formação


Acontece em Macapá de 6 a 8 de junho o IV Encontro de Educação Quilombola e Indígena do Amapá.
É pra discutir propostas na formação continuada dos profissionais da educação que atuam nesses segmentos.

Moratória


Senado vota nesta terça (22) proposta de Capiberibe para oficializar acordo de 2006, entre indústrias e exportadores, pra não comprarem grãos de áreas desmatadas na Amazônia.

Comodidade


Se por um lado é bom, porque encurta filas, pedido de aposentadoria divide opiniões.
Porque se INSS indefere mais do que defere, mesmo com direito comprovado, vai ser mais fácil dizer não sem ouvir reclamações.

Festança


Marabaixeiros vararam a madrugada e fecharam já de manhãzinha festança ao Divino Espírito Santo e Santíssima Trindade, com muita gengibirra para o grande público que prestigiou evento.

Nem-nem


Pnad do IBGE revela que cresceu em 2017 número de amapaenses entre 15 e 29 anos que não trabalham nem estudam.
Os conhecidos ‘nem-nem’ somaram 63 mil, 6 mil a mais que em 2016.

Em alta


Já o Caged veio com boas novas: Amapá passou por cima do péssimo desempenho e março e fechou abril com 410 novos postos de trabalho.
Com protagonismos maiores dos setores de construção civil, serviços e comércio.

Resgate


Iniciam fim de semana que vem comemorações pelos 73 anos do Laguinho com muita festa e direito à geração atual conhecer os pioneiros, que abrem portas de suas casas para um passeio histórico às suas origens.

Blindagem


Waldez ativa nesta terça-feira a UPC do Marabaixo, ainda em base provisória, na Escola Nilton Balieiro.
Que, via de conseqüência, deixará de ser atrativo para bandidos e vândalos.

Indefinição


Sondagens recentes mostram cenário para o Setentrião ainda embolado, com intenções de votos se dividindo entre Waldez (PDT), Capiberibe (PSB) e Davi (DEM).
Água, muita água ainda a rolar por debaixo dessa ponte…

Amnésia


Talvez Davi tenha perdido a hora de compreender que, ao chamar Sarney de ‘um câncer para o Amapá’, no palanque de Randolfe, ecoa agressão também dentro da própria família.
Se lembrado que o tio dele, Salomão, anos a fio, em vida, foi suplente do ex-presidente, no Senado.

Amor sem fim


Marcivânia (PCdoB) escreve a Randolfe (Rede):
“[…] É um político necessário e fundamental para a boa política. […] Tem qualidade e compromisso, logo um político diferenciado. Que sua caminhada seja exitosa. Abraço super fraterno.”
Marcivânia, deputada

Unha e cutícula


Agora juntos e misturados no PR, de repente Kaká e Vinícius não desgrudaram mais.
Aos olhos do eleitorado, tipo ‘amiguinhos desde os cueiros’.