Tortura


Crise se acentua cada vez mais, dinheiro está cada vez mais sumido e preços não param de disparar: o feijão nosso que era de todo dia não é vendido por menos de 10 reais.
Até onde isso vai parar, meu Deus?