Urnas


Sete chapas disputam votos dos trabalhadores da educação para comandar o Sinsepeap, com eleição no dia 25 de junho.
Antes, porém, mais exatamente dia 6, gestão atual pode comandar greve da categoria.