Recuo



André Lima exigiu fim da redução da frota, Setap fez beicinho e disse que medida seria mantida. Mas após constatar que não falta mais diesel no Amapá, Artur Sotão voltou a trás e ônibus circulam na sua totalidade.