Fazer o quê?



À diferença do Macapá Hotel, que já volta pro controle do Estado, a Residência Oficial, de valor histórico, segue desocupada e, sem o devido zelo, já revelando sinais de abandono.
Pena…