Convicção



Davi já não esconde mais de ninguém: apoia reeleição de Clécio e disputa o governo na sucessão de WGóes, em 18.