Privatização



Além do Macapá Hotel e Navio Solon, a Caesa também já enfileira lista de ativos que o GEA planeja botar à venda, pra fazer caixa e tornar estado menos oneroso. 
Avaliada superficialmente, a Caesa, mesmo em ‘pré-falência’, custaria hoje em dia algo em torno de R$ 800 milhões, pra começo de bater do martelo.
Mas nada definido, por enquanto.