Desvio



É o vizinho Pará que ganha com exploração petrolífera na costa norte, a partir de empresa francesa já baseada em Belém, que ganha pelo menos 2.990 empregos —e apenas 10 para o Amapá, apesar de dono da riqueza.