Porteira aberta



Quem poderia dar o tom, desafina: pelo menos 80% dos fichas sujas foram liberados pelo STF pra registrarem candidaturas.
Ministros entendem que é competência das câmaras municipais julgar contas de governo – e não dos TCEs.