Paradoxo



Com um patrimônio de R$ 1.272 mi, declarado no TSE, Ofirney Sadala (STN) é o mais rico entre todos os prefeitos do Amapá.
Mas seguido bem de perto por Dudão (MZG), com pouco mais de R$ 1 milhão, de reserva.
O mais pobre é Carlos Sampaio, de Amapá, que possui apenas um automóvel avaliado em 28 mil.