Acolhida



Foi Bira, em 2001, que já brilhou no futebol país afora, quem levou Marba para o Santos, na época sobre o lombo de Paulinho Ceará.
Sugestão foi motivada pelo entusiasmo do empresário, que se dizia apaixonado por futebol e louco pra investir num clube amapaense, “apenas por gosto, sem quaisquer outras pretensões”, conta o ex-craque do Internacional.