Salgado



Já nas alturas, preço da passagem aérea a partir do Amapá sobe 7,4%, segundo a Anac a maior alta do país.
Na contramão dos serviços ofertados e prestados, muito piores que tratamento dispensado a freguês que compra fiado no botequim da esquina.