17 de julho de 2024
Compartilhe

Delis Ortiz, repórter da Globo, descreve a agressão que sofreu da segurança do ditador venezuelano Nicolás Maduro:

“Senti uma sensação de impotência e violência avassaladoras. Foi como um soco no peito para toda a imprensa”, disse, entristecida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.