Expectativa



Com advogado Mártires sustentando ser ‘ato ilegal e abusivo’, agravo de Moisés contra decisão de Gilberto Pinheiro já percorre trâmites no Judiciário.
Desta feita rumo ao Pleno, a quem caberá o bater do martelo, na quarta que vem, possivelmente.
Haja lexotan.