Bombardeio



Entrevistado no rádio, Brahuna usou lábios como metralhadora giratória para lançar raios que o partam sobrer o Ministério Público.
“Além de fabricar denúncias contra mim, o MP também agia como ‘um braço político’ do ex-governador Camilo Capiberibe”, disparou o desembargador aposentado.
Consultados sobre direito de resposta, MP e Tjap, avaliando aquilo como uma provocação, optaram pelo silêncio.